segunda-feira, 8 de abril de 2013


Sou feliz porque assim decidi!

Tenho dias bons e outros nem tanto, mas poucos são maus.

Quando não tenho o que acho que preciso, oro e agradeço a Deus por me permitir reavaliar minhas necessidades.

Gosto de estender a mão às pessoas, para depois simplesmente vê-las sorrir.

Bom quando sorriem de volta para vida, para as suas vidas.

Temos um papel e um lugar no mundo e sei que estou exatamente onde deveria estar, tentando desempenhar em cumprir com o meu papel, sem alardes, sem arroubos, sem ironias, sem empáfia e muito menos sem me sentir mais do que realmente sou.

Sou humana, mulher, me amo, sou feliz, tenho filhos que eduquei com firmeza e colho os frutos desse plantio.

Tenho uma relação sólida com o homem que escolhi para meu marido e tenho a grata satisfação de ter sido escolhido por ele também.

Concordamos em muitas coisas, mas discordamos de muito mais e é por isso que somos felizes por respeitarmos nossas diferenças.

Tenho amigos M.A.R.A.V.I.L.H.O.S.O.S e tenho prazer em ser sua amiga também.

Tenho amigos de perto, de longe, virtuais, reais, conhecidos, muito amigos, pouco amigos e nem tanto amigos.... os inimigos esses eu amo de paixão, porque sei que de algumas forma me admiram e por isso me odeiam. Sou sua centelha de realização!!!

É irônico, mas real!!!!!!!!!!!!!

Sou assim, nem pouco e nem muito, me dôo na medida certa! 

Minha medida é intensa, porem cuidadosa, detesto ser invasiva, portanto me mantenho onde creio ser o meu lugar.

quinta-feira, 22 de março de 2012

Minhas alegrias: ... Sinto que o destino também é relacionamento -...

Minhas alegrias:
... Sinto que o destino também é relacionamento -...
: .. . Sinto que o destino também é relacionamento - uma interação entre a graça divina e o esforço ...

... Sinto que o destino também é relacionamento - uma interação entre a graça divina e o esforço pessoal direcionado. Sobre metade dele você não tem o menor controle: a outra metade está completamente em suas mãos, e as suas ações terão consequências perceptíveis. O homem não é nem uma marionete dos deuses, nem tampouco é senhor do seu próprio destino; ele é um pouco de ambos.
Galopamos pela vida como artistas de cirso, equilibrados em dois cavalos que correm lado a lado a toda velocidade - com um pé sobre o cavalo chamado "destino" e o outro sobre o cavalo chamado "livre arbítrio".
E a pergunta que você precisa fazer todos os dias é: qual dos cavalos é qual? Com qual cavalo devo parar de me preocupar, porque ele não está sob meu controle e qual deles preciso guiar com esforço concentrado?
Há uma coisa no meu destino que não posso controlar, mas outras coisas estão sim, sob minha jurisdição. Existem determinados bilhetes de loteria que posso comprar aumentando minhas chances de encontrar satisfação. Posso decidir como gasto meu tempo, com quem interajo, com quem compartilho meu corpo, minha vida, meu dinheiro e minha energia...
Posso decidir o que e como!
Posso escolher como vou encarar as circunstancias desafortunadas da minha vida - se as verei como maldições ou oportunidades (e, quando não tiver forças para adotar o ponto de vista mais otimista, porque estou sentindo pena demais de mim mesma, posso decidir continuar tentando mudar a minha atitude). Posso escolher minhas palavras e o tom de voz com que falo com os outros, E, acima de tudo, posso escolher os meus pensamentos...
E acrescento: posso decidir o meu destino sem medo, pois ele me pertence, assim como o meu eu!
Tenho 50% de chances de errar, mas escolho ficar com os 50% de acretos!
Você toma alguma decisão grandiosa sobre o que precisa fazer ou sobre quem precisa ser e então as circunstancias mudam e imediatamente lhe revelam o quão pouco você sabe sobre si mesmo.
Deus vive dentro de você, como você.
COMO VOCÊ, não se transforme, mas aprimore-se!!!!
Viva o seu "EU", observe a sua ATITUDE!!!!
Texto extraído e adaptado do livro "Comer, Rezar e Amar"


sexta-feira, 16 de março de 2012

Hortas organicas e alimentacao saudavel.: Pao de cenoura,arroz integral e quinoa.

Hortas organicas e alimentacao saudavel.: Pao de cenoura,arroz integral e quinoa.:

Pao de cenoura,arroz integral e quinoa.


Pao de cenoura,arroz integral e quinoa.



RECEITA:

1 1/2 COPOS DE FARINHA DE TRIGO INTEGRAL (COPO DE 230 ML)
2 COPOS DE FARINHA DE TRIGO COMUM
1 COLHER DE SOPA RASA DE SAL
2 COLHERES DE ACUCAR MASCAVO, MEL OU AGAVE NECTAR
10 GRAMAS DE FERMENTO INSTANTANEO SECO PRA PAO.
MEIO COPO DE ARROZ INTEGRAL JA COZIDO
MEIO COPO DE QUINOA JA COZIDA
3/4 DE COPO DE SUCO DE CENOURA
1/2 COPO DE QUALHADA (LEITE COM 2 COLHERES DE SUCO DE LIMAO), ou iogurte natural.
1 COLHER DE SOPA DE MANTEIGA ou oleo de canola

MODO DE PREPARO:

MISTURAR O FERMENTO COM O SUCO DE CENOURA (MORNINHO MAS NAO MUITO QUENTE) POR 5 MINUTOS

MISTURAR TODOS OS OUTROS INGREDIENTES E JUNTAR O FERMENTO E O LEITE.
DEIXAR DESCANCAR POR 5 MINUTOS E SOVAR TUDO POR 3 MINUTOS.
DEIXAR DESCANCAR POR 10 MINUTOS, E SOVAR POR 5 MINUTOS.
COLOCAR NUM RECIPIENTE COBERTO POR PLASTICO E DEIXAR NA GELADEIRA DESCANCANDO POR 6 HORAS OU MAIS (PODE DEIXAR ATE 48 HORAS DESCANSANDO). Eu faco a noite antes de dormir e asso o pao no dia seguinte.

NO DIA DE IR PRO FORNO RETIRAR DA GELADEIRA MODELAR, E DEIXAR CRESCER POR 2 HORAS. LEVAR AO FORNO MEDIO PRE AQUECIDO POR +- 40 MINUTOS. nAO ADIANTA TIRAR DO FORNO AINDA BRANQUINHO POIS CORRE O GRANDE RISCO DE FICAR CRU POR DENTRO. FORNO MEDIO GERALMENTE DEMORA 35 MINUTOS ATE 50 MINUTOS DEPENDENDO DO FORNO.
ESPERAR ESFRIAR ANTES DE CORTAR PRA NAO RETIRAR A UMIDADE NATURAL DO PAO.
PS: (dicas ) VC NOTAR A MASSA MUITO DURA ADICIONE MAIS LEITE, SE A MASSA ESTIVER MUITO MOLE ADICIONE MAIS TRIGO. A MASSA IDEAL E MOLENGA E POUCA COISA PEGAJOSA. SE TIVER MUITOOOOOOO PEGAJOSA NA ETAPA FINAL ANTES DE IR PRA GELADEIRA ADICIONE UM TIQUINHO MAIS DE TRIGO. MASSAS DURAS E MUITO SECAS NAO TERAO BONS RESULTADOS.

quarta-feira, 7 de março de 2012

DIA INTERNACIONAL DA MULHER

Ser mulher é simplesmente ser. De tão simples parece que não existe. Homem de verdade quer mulher-mulher!!!!! Não se importa com o mulherão, porque essa (como já Arnaldo Jabor) é igual melancia ninguém come sozinho; Sou mulher e tenho tatuado no corpo: "sou gostosa, em braile" Com estrias, celulite, sobrepeso, cabelos brancos, as vezes TPM, as vezes gargalhadas, mas assim sou e simplesmente SOU! Em letras garrafais e em neon, sou mulher-mãe, mulher-amante, mulher-feitiço, mulher-mulher, mulher-dona de casa, mulher-dona da casa (a que dita regras), mulher-Maria, mulher-Amélia kkk (essa muito de vez em quando porque eles ainda acreditam que ela era mulher de verdade), mulher-mulher... e todas as mulheres que na minha vida aprendi a ser no momento certo da necessidade da conquista. Porque nenhum homem resiste a ter seus desejos satisfeitos, mesmo por um momento e o resultado... Ah! O resultado é sempre o que queremos, ou seja, damos pra receber e por mais que eles digam que não, acabam nos realizando desejos, sonhos e fantasias. Em compensação não finjo felicidade, não invento alegria, não invejo o marido e filhos alheios. Tenho tudo isso e só meus. Amo estar em uma casa com 4 homens totalmente dominados e amados por mim! Amo, ser essa mulher quarentona e inteira, e poder me jogar inteira nas minhas emoções sem precisar de mascaras. Amo muito tudo isso, porque sempre tive em mente que: tratamento pra mim é de rainha pra cima, menos do que isso eu mesma faço por mim. E é assim que vivo. FELIZ DIA INTERNACIONAL DA MULHER E FELIZ DIA A TODAS NÓS!!!!!!!!!!!!!!!!

quinta-feira, 1 de março de 2012

Minhas alegrias: Na vida temos sempre um dia após o outro!!!!

Minhas alegrias: Na vida temos sempre um dia após o outro!!!!: Quantas vezes não percebemos que a vida é assim? Quando aprenderemos que o presente não existe? Observe o presente, consegue? Duvido!!!! É p...

Na vida temos sempre um dia após o outro!!!!

Quantas vezes não percebemos que a vida é assim? Quando aprenderemos que o presente não existe? Observe o presente, consegue? Duvido!!!! É possível lembrar o passado e projetar o futuro, mas o presente é feito pra viver e passa tão rápido que num milésimo de segundo mudou de nome: virou passado!!!! Então o que fazer com ele? Sugiro usar como o nome o define como um presente. Seja um presente na vida do outro, e curta o seu presente da melhor forma possível, dê o seu melhor, seja o seu melhor. E no momento seguinte não sentirá raiva, tristeza ou remorso... e sim saudades, alegrias e muitas felicidades. Sabe aquela gargalhada engasgada? Solte-a no presente e no futuro sinta como é bom aquela famosa frase: "ri (passado) tanto que fiquei com dor na barriga!" Quem nunca viveu esse momento????? É óbvio que também temos momentos tristes, fúnebres e até macabros, mas a forma como alimentamos esses sentimentos é que definirá o nosso futuro e nosso passado. Imagine a cena: Uma amiga querida rompeu um namoro com alguém por quem é apaixonada e precisa de você e você lhe diz que não tem tempo pra ela naquele momento. Certamente perdeu a oportunidade de ser solidária e sacramentar uma amizade. Era o momento dela, bom ou ruim era o momento dela. Aos amigos cabe apoiar, mesmo sem concordar. Se não concorda cale-se por um minuto presente e, no futuro a ajude a construir um novo passado a ajudando a superar, com carinho. Isso se chama empatia!!!!!! Colocar-se no lugar do outro. Eu vivi isso há alguns anos. Eu estava trabalhando quando recebi a noticia de que minha mãe estava passando mal. Na mesma hora falei ao meu gerente que iria embora para Arraial do Cabo (meus pais moravam lá)para tentar vê-la antes que ela morresse (de alguma forma eu sabia que era isso que aconteceria). Era o meu momento de tristeza e tive a felicidade de ter ao meu lado minha grande amiga Sandra Rodrigues, que largou tudo e foi comigo, dirigindo meu carro, para lá. E segurou a minha mão quando, ainda na estrada, meu pai me deu a noticia de morte da minha mãe. Talvez ela nem saiba ou lembre o quanto foi importante segurar a sua mão naquele momento, ela ficou em silencio e segurou a minha mão!!! Gente isso não tem preço e minha gratidão, carinho, amor e amizade será eterna!!!! Assim como a pouco tempo ouvi da minha amiga Verinha Ressurreição o quanto eu a apoiei na morte do seu irmão, eu (de verdade) não havia percebido a dimensão do momento. Da mesma forma nos momentos felizes como gosto de comemorar as boas notícias dos meus amigos: uma promoção no trabalho, a restauração de suas saúdes etc... Enfim, amo estar (no presente) construindo com meus amigos nossas histórias (passado) e nossos sonhos (futuro) tendo sempre em mente que nesse momento o presente se foi e já construí.. se foi bom somente no futuro saberei, até mesmo do passado.. somente no futuro saberei!!!!!!

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

AS PESSOAS

Olá, Hoje estou filosófica! kkkk Me peguei pensando nas atitudes que tenho tomado na vida e nas que tento passar para os meus amigos mais próximos. Fiquei pensando nas coisas e pessoas com quem convivo e as que mesmo não convivendo conheço. Muitas vezes, como essas pessoas, me decepcionei com amores, amigos, parentes e com as pessoas em geral. Nessas ocasiões sentia raiva desmedida e por longo período, em outras por pouco tempo, mas lá estava a raiva que me fazia não raciocinar. Sim porque a raiva como sentimento nato muitas vezes nos tira a razão. Depois de muito estudar a mim, visualizar as situações pelo ângulo do outro comecei a perceber que a raiva só prejudicava a mim. Reconheço que a raiva é necessária para defesa momentânea, mas quando deixa de ser momentânea e passamos a cultivá-la como a uma planta que florescerá, aí complica!!!!!!! Adquirimos o hábito de cultivar maus sentimentos e esquecemos que a ÚNICA pessoa a sofrer é o raivoso. A pessoa por quem sentimos raiva, não tá nem aí pra nossa raiva, na verdade a vida dela continua, linda, bela e ilesa. A nossa raiva se transforma em ódio e em vingança, continuamos cultivando-a e aí em breve teremos problemas fígado, estomago e futuramente um belíssimo câncer. E o outro continua... Então comecemos a controlar nossos sentimentos e não deixar que ele tome o leme da nossa nau. Não divida a conta com quem te fez mal, continue o seu caminho. Sorria e continue. Controle-se e continue. Exercite o perdão e continue. Quando falo em não dividir a conta é porque sem perceber agimos assim: Alguém nos prejudica, ofende ou seja lá o que for; nós (muito vítimas,kkk) nos sentimos, em principio, no direito de devolver. Depois devolver vira dever; Ocorre que ao devolver adquirimos uma dívida, então dividimos a conta com o outro... Hoje em dia se alguém me calunia, ofende ou agride, sorrio e continuo. E o melhor a conta da ofensa fica INTEIRA com o meu ofensor, a "conta" é só dele!!!!!! Amanhã, após fazer meu exercício de perdão, onde falo a mim mesma: "Senhor eu te peço perdão e perdoo a tudo e a todos" (exercício ensinado a mim pela minha maravilhosa amiga Rosemary Juventude) A raiva diminuí e abrindo espaço para mais amor, e o recebo de volta muito mais carinho dos amigos e amores. Enfim, percebo que nada devolví ao meu ofensor, apenas deixei com ele seu sentimento inferior e negro. Beijos.....